Como evitar boatos na empresa?

Pode parecer missão impossível, mas eliminar ou reduzir a disseminação de boatos nas organizações é um desafio que pode sim ser superado. Informações são compartilhadas o tempo todo por colaboradores, não só durante o expediente, e, com a internet, tem sido cada vez mais frequente a transmissão de mensagens com conteúdo falso ou de procedência duvidosa. Toda a equipe de comunicação corporativa precisa estar sempre antenada a possíveis desvios, claro, mas é possível solucionar – mesmo que parcialmente, em alguns casos – este problema presente em praticamente todas as organizações.

O primeiro recurso a ser usado é a transparência. Os jornalistas de empresa têm que manter as informações sempre atualizadas nos canais de comunicação interna e precisam ser defensores da clareza e da verdade. Cabe ao jornalista defender a circulação constante de informações para os colaboradores e, em muitas das vezes, convencer os tomadores de decisão a informar, de forma completa e sem omissões, detalhes e questões estratégicas para a organização.

Para suportar a transparência, é importante ter canais bem estabelecidos, com processos de atualização definidos, para que garanta que as informações transparentes estejam sendo transmitidas. É necessário, também, que haja bons produtores de conteúdo na equipe e que dominem a gestão dos canais, desde a atualização básica dos digitais e impressos até a análise de métricas e resultados. Um bom jornalista de empresa sabe qual canal usar em cada momento e que público atinge com determinado veículo.

A regularidade com que se oferece cada conteúdo ao público interno também faz a diferença, pois os colaboradores estão habituados a receber informação por meio de cada canal em um certo dia ou horário, logo, dependendo do momento, recorrerão a um canal específico de comunicação interna para checar detalhes e averiguar a procedência do que “ouviu falar”.

Com os meios digitais e as redes sociais existentes, hoje, é praticamente impossível concorrer com todos os colaboradores e ser o primeiro a divulgar a informação, até mesmo pelo processo de apuração e checagem de detalhes que pode levar algum tempo. Tudo para que a informação seja fornecida corretamente. No entanto, se a equipe de comunicação interna consegue se comunicar de forma transparente, usando canais eficientes que atinjam os públicos interessados, com regularidade, cria-se consistência e credibilidade. Os colaboradores estarão sempre bem informados e, quando houver uma dúvida sequer, saberão onde conseguir a simples e pura verdade.

Gabriel Rocha

Um comentário sobre “Como evitar boatos na empresa?

Gostou do texto? Deixe aqui seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s