Lead jornalístico: entenda o que é e comece a usar

Pra que serve o lead jornalístico?Depois de atrair o leitor para o texto, é preciso retê-lo para que consuma o conteúdo até o final. E, para isso, uma técnica bastante usada e já comprovada, por anos, na prática, é o lead. A técnica consiste, basicamente, em oferecer ao leitor um resumo inicial de todo o conteúdo, ou seja, é uma apresentação das informações principais, de forma sucinta e direta. Fazendo uma analogia, é como se fosse um aperitivo para o prato principal de uma refeição.

De uma forma geral, o lead contempla respostas para algumas perguntas básicas que servem de guia para o jornalista, seja de redação ou de empresa: o que, quem, quando, onde, como, por que?  Com isso, o consumidor – no caso da comunicação interna, o colaborador da organização – tem, logo no início do texto, uma ideia sobre a ação que será abordada, quem a executou, em que momento aconteceu, em que lugar, de que maneira e por que motivo, o que faz com que ele perceba o que de bom encontrará no texto. É um excelente ponto de partida.

Continuar lendo

Pirâmide invertida: não sai da moda e ainda deve ser usada

Pirâmide invertida para hierarquizar informaçõesNos dias de hoje, há uma infinidade de técnicas e recursos disponíveis para melhorar os textos na internet, atrair leitores, reter atenção e até mesmo gerar leads e conversões em negócios digitais. No entanto, muitos escritores da atualidade abandonam práticas já consagradas e que até hoje geram bons resultados. A pirâmide invertida, muito conhecida por jornalistas, é um exemplo clássico que mostra como ainda é possível obter ganhos à moda antiga. Quer entender melhor esse conceito e saber como aplicá-lo aos seus textos? É pra já.

Continuar lendo

Novidade para muitos, tradição na assessoria de imprensa

O compartilhamento de informações cada vez mais rápido e instantâneo nos leva, muitas vezes, a refletir o que é, de fato, novo. Uma notícia pode ser, para muitos, uma novidade, mas, para outros, nem notícia é. Essa sensação de “novidade” tende a ser cada vez mais relativa, por exemplo, no campo da pesquisa, dos estudos e dos avanços teóricos que subsidiam a prática. Longe de ter como objetivo criar algum tipo de polêmica, mas, se for para analisar friamente, alguns dos conceitos aplicados ao marketing digital, e tidos como inovadores, já são tradição há algum tempo no trabalho de assessoria de imprensa.

Continuar lendo